Defesa do ex-vereador José Iderlan tem cinco dias para apresentar alegações finais

A defesa do ex- vereador José Iderlan (PPS) informou, nesta segunda-feira (31/07), que irá recorrer da decisão judicial que indeferiu o pedido de suspensão do processo disciplinar por quebra de decorro parlamentar. Iderlan foi investigado no ano passado, durante a operação Mar de Lama, deflagrada pela Polícia Federal.

A denúncia contra o ex- parlamentar é analisada por uma Comissão formada por vereadores da Câmara Municipal. Ainda nesta segunda-feira, José Iderlan era aguardado para prestar depoimento no Legislativo Municipal. “Agora os advogados de defesa tem cinco dias para apresentar as alegações finais antes da Comissão apresentar o relatório final da denúncia”, disse o presidente da Comissão Processante, vereador Juninho da Farmácia (PDT).