Vereadores participam de vistoria no Centro Socioeducativo de Valadares

Uma reunião entre vereadores, o prefeito André Merlo, Ministério Público, Defensoria Pública, Juizado da Vara da Infância e Adolescência e o Conselho Municipal de Segurança (Consep), discutiu, na manhã desta quarta-feira (06/09), ações de melhorias para as precárias instalações do Centro Sócioeducativo (CSE) de Governador Valadares, localizado no bairro Santos Dumont.  Administrado pela Subsecretaria Estadual de Atendimento Socioeducativo (Suase), o local foi inaugurado em 2005 para internação de até 80 adolescentes, mas atualmente conta com 120 internos.

Entre as primeiras medidas, o presidente da Câmara Municipal, vereador Paulinho Costa, disse que o Legislativo vai promover  nos próximos dias uma Audiência Pública para expor à população as condições de atendimento do Centro Sócioeducativo e encaminhar soluções. “O Centros Socioeducativo  vive uma situação de abandono”, disse o vereador Paulinho Costa.

Já o prefeito André Merlo vai solicitar à Secretaria Municipal de Obras e Serviços urbanos, a limpeza periódica do local. “É uma situação preocupante. Esse é um espaço administrado pelo Estado e que deveria fazer um bom atendimento à população de Valadares”, lamentou o prefeito depois de integrar a Comitiva que visitou as instalações do Centro Socioeducativo.

De acordo com o promotor da Infância e Juventude, Randal Bianchini, além da superlotação e das más condições de atendimento, o funcionamento do Centro pode ser ainda mais prejudicado com a possibilidade de desligamento de 50 agentes penitenciários contratados para fazer a segurança do espaço. “Da forma como está, o Centro Sócioeducativo não cumpre sua missão de recuperar esses jovens para a sociedade. Estamos buscando forças nos Poderes Legislativo e Executivo para tentarmos reverter essa situação junto ao Estado”, finalizou.

Além do Presidente da Câmara, participaram da Comitiva os vereadores Enês Candido, Coronel Vagner Fabiano, Rildo do Hospital, Rosemary Mafra, Jacob do Salão, Robinho Mifarreg, Betinho Detetive, Pastor Elias de Jesus, Antônio Carlos e Regino Cruz.